Entrar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *

Notícias

O ano letivo 2018 começou para os internos do Conjunto Penal de Itabuna na quinta-feira (1º), com uma Aula Inaugural, promovida pelo Colégio Estadual de Itabuna e pela Escola Lourival Oliveira Soares (Município).  A abertura foi com uma mensagem de boas-vindas do diretor da unidade, Capitão PM Adriano Valério Jácome, e do gerente-operacional da empresa cogestora Socializa Brasil, Yuri Damasceno.

 

A programação envolveu, além dos informes pedagógicos, uma palestra sobre os desafios da educação no século XXI. Ministrada pelo professor Astor Vieira Junior, mestre e doutorando em Ciências da Educação, a aula-magna teve como tema “Aprendizagens e Território: Desafios da Educação para o século XXI no ambiente prisional”.

 


O professor Astor Vieira ministrou palestra para os internos e professores; direção do Presídio participou da aula-magna

 

“A educação é a ferramenta que pode fazer de vocês pessoas melhores do que eram quando aqui chegaram. Estamos falando de uma educação pensada para os desafios do século 21, ou com uma perspectiva de Jaques Delors, ou seja, com os pilares por ele propostos: aprender a conhecer, aprender a fazer, aprender a conviver e aprender a ser. Esses pilares têm tudo a ver com a realidade de vocês, e também de quem está lá fora”, observou o professor Astor Vieira.

 

A diretora do Colégio Estadual, Adriana Lima, destacou que no ano letivo de 2018 será priorizada muito mais a qualidade do que a quantidade. “Queremos que todos que se matricularam continuem e concluam o ano, mas o sistema da Secretaria da Educação vai excluir aqueles que não tiverem uma freqüência satisfatória”, explicou.

 


O professor Astor Vieira ministrou palestra para os internos e professores; direção do Presídio participou da aula-magna

 

A cerimônia teve ainda momentos de descontração, com música, um pouco de alongamento e um lanche. Ainda no evento, foi apresentada a equipe multidisciplinar de ressocialização, composta por uma terapeuta ocupacional, uma psicóloga e uma assistente social, além da coordenadora da Educação, Maria do Carmo.

 

Legenda: O professor Astor Vieira ministrou palestra para os internos e professores; direção do Presídio participou da aula-magna

  • Criado em .

A história de Taiana Rodrigues dos Santos, 18 anos, é um exemplo para a sua geração. Oriunda de família humilde, residente na Rua Enxuta, Ibicaraí, ela acaba de ser contemplada com uma bolsa integral pelo Prouni e garantir uma vaga na graduação em Arquitetura, na Unime de Itabuna. Com muita garra e dedicação, ela venceu as enormes dificuldades que encontrou para concluir o ensino médio e chegar ao grau superior. Tinha conseguido também uma vaga no curso de Comunicação Social da Universidade Estadual de Santa Cruz, mas optou pela Arquitetura.

Parabéns família Rodrigues! Parabéns, Taiana, continue trilhando por esses caminhos, pois a educação é a solução para o Brasil.

  • Criado em .

Alinhar as especificidades do Plano Municipal de Educação (PME) às estratégias do Plano Nacional de Educação (PNE), no desenvolvimento de políticas públicas para garantir a qualidade social da educação itabunense. É com este objetivo que professores, diretores de escolas, coordenadores pedagógicos, estudantes, membros de conselhos ligados à Educação e a Criança e o Adolescente, pais de alunos, representantes da sociedade civil organizada e de organizações governamentais e não governamentais estarão reunidos durante a III Conferência Municipal de Educação, que será realizada dias 19 e 20 de fevereiro.

Coordenada pelo Fórum Municipal de Educação, em parceria com a Secretaria Municipal da Educação, a Conferência acontece no auditório da FTC Itabuna, tendo como tema central “A Consolidação do Sistema Nacional de Educação e o Plano Nacional de Educação: monitoramento, avaliação e proposição de políticas para a garantia do direito à educação de qualidade social pública e laica”. De acordo com a programação, as atividades da conferência serão iniciadas às 8 horas, com o credenciamento dos participantes.

Segundo a secretária da Educação, Anorina Smith Lima, será uma oportunidade de inserir Itabuna no contexto do debate nacional sobre as políticas públicas voltadas para a Educação. “O momento é muito significativo para o município porque teremos a oportunidade de discutir e alinhar as ações da política educacional de Itabuna com as políticas educacionais estabelecidas no PNE para a década 2014-2024, com a participação de todos os segmentos da educação – professores, pais, alunos e diversos setores da sociedade civil organizada”, concluiu a secretária.

 

Legenda: Conferência Municipal de Educação começa na segunda-feira

 

  • Criado em .

O Processo Seletivo para preenchimento de vagas na Rede Pública Municipal de Ensino tem validade de dois anos, podendo ser prorrogada por igual período, se não houver concurso público

 


As provas do processo seletivo foram realizadas no último domingo (4), em Itabuna

A Prefeitura de Itabuna publicou na edição nº 3466 do Diário Oficial Eletrônico, da última terça-feira (6), a Retificação nº 007/2018 do Anexo VI - Cronograma de Atividades – referente ao Edital do Processo Seletivo Simplificado destinado ao preenchimento de vagas na Rede Pública Municipal de Ensino, cuja prova (entrevista escrita) de caráter eliminatório foi realizada no último domingo (4). De acordo com a publicação, o resultado preliminar da análise curricular e entrevista serão divulgados no próximo dia 16 de fevereiro.

Segundo a secretária da Educação, Anorina Smith Lima, o Processo Seletivo consta de 154 vagas em diversos cargos, dentre eles, para Professor do Ensino Fundamental I e II, Professor de Educação Especial, Psicólogo, Terapeuta Ocupacional, além de Secretário Escolar, Servente e Encarregado de Obras. Ela ressalta que, conforme o edital, além dos 154 selecionados para contratação imediata, 30% dos outros candidatos classificados farão parte do cadastro mínimo de reserva.

O Processo Seletivo para preenchimento de vagas na Rede Pública Municipal de Ensino tem validade de dois anos, podendo ser prorrogada por igual período, se não houver concurso público. Nesta seleção, foram 1.919 candidatos inscritos, dos quais 1.497 foram deferidos como aptos a participar da prova.

No domingo (4), compareceram ao Colégio Ciso e ao Imeam, locais de prova, 1.169 candidatos. O resultado final geral e homologação estão previstos para o dia 02 de março. O cronograma de atividades prevê ainda prazos para acesso ao espelho de análise curricular e entrevista, dias 19 e 20, e para recurso de análise curricular e entrevista, dias 21 e 22 de fevereiro.

 

  • Criado em .

O prefeito Fernando Gomes foi recebido pelo diretor geral da Faculdade Santo Antonio, João Sales, na última sexta-feira(2), quando verificou o andamento das obras para implantação do campus de Itabuna, na Av. José Soares Pinheiro, que prosseguem em ritmo acelerado. A instituição vai oferecer vagas para o curso de Direito e posteriormente para mais quatro cursos


O prefeito Fernando Gomes foi recebido pelo diretor geral da Faculdade, João Sales, para acompanhar as obras

Fernando Gomes destacou que a Faculdade Santo Antônio fortalece o projeto de consolidação de Itabuna como uma cidade universitária e centro regional de ensino superior. Também salientou que o projeto se insere entre as prioridades de governo nos investimentos em saúde, educação e segurança.

“Acredito que investir nesses três pontos só traz benefícios para a cidade, para o estado e para o desenvolvimento do país. Por isso, estamos apoiando a criação de mais um Curso na nossa cidade”, afirma o prefeito. Ele destaca que além de formar profissionais qualificados, os cursos superiores geram emprego, renda e contribuem para o fortalecimento de Itabuna como um polo regional de comércio e serviços.

 

  • Criado em .

A Prefeitura de Itabuna realizou, através da Secretaria de Educação, no domingo (4), as provas do Processo Seletivo Simplificado para a contratação temporária de profissionais para atender as demandas das Unidades Escolares do Município, de acordo com o Edital 01/2018. As provas aconteceram no Instituto Municipal de Educação Aziz Maron (Colégio IMEAM), localizado à Rua Adelino Kfouri Centro e no Colégio Estadual Sesquicentenário-CISO no Bairro de Fátima, com a participação de 1.169 candidatos inscritos. Foram inscritos cerca de 1.800 candidatos para as diversas áreas.

,


Dos 1.800 candidatos inscritos,1.169 fizeram as provas, uma abstenção de 35%

A abstenção foi de 35%, um índice elevado e pode ser explicada porque muitos candidatos inscritos não se adequaram às exigências do Edital em termos de escolaridade e formação profissional. As provas transcorreram sem incidentes, no Colégio IMEAN e no Colégio CISO, onde houve um atraso de meia hora devido ao grande número de concorrentes, segundo a coordenação do processo seletivo.

A Secretária Anorina Smith Lima acompanhou o processo durante todo o período da seleção no Imean e no Ciso. Já a candidata Suzane Sampaio Nicácio, que entregou a prova às 10h, disse que pensou que as provas seriam mais difíceis, achando as questões entre mediana a fácil, acreditando que fez ótima prova por ter respondido a maioria das questões. Já as candidatas Sandra Campos, Thiarê Silva, Thaís Campos e Núbia Alves Silva Santos que entregaram o teste no prazo estabelecido fizeram o teste no CISO, e foram unânimes em dizer que as provas foram relativamente fáceis. 

 

  • Criado em .

O Programa Universidade para Todos (Prouni) está com inscrições abertas para o primeiro processo seletivo em 2018, até sexta-feira (9).  A inscrição, gratuita, é feita exclusivamente pela internet, na página do Prouni.Para se inscrever, o candidato deve ter participado do Enem de 2017, obtido no mínimo 450 pontos na média das notas do exame e nota maior que zero na redação.

Para efetuar a inscrição, o candidato deve informar o número de inscrição no Enem 2017 e a senha mais atual cadastrada no Enem. Podem participar estudantes egressos do ensino médio da rede pública ou da rede particular na condição de bolsistas integrais da própria escola; estudantes com deficiência; professores da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica.

Para concorrer às bolsas integrais, o candidato deve comprovar renda familiar bruta mensal, por pessoa, de até um salário mínimo e meio. Para as bolsas parciais (50%), a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.O resultado da primeira chamada será divulgado no dia 14 de fevereiro e o da segunda no dia 2 de março.

O Prouni é um programa do Ministério da Educação, criado pelo Governo Federal em 2004, que oferece bolsas de estudo integrais e parciais (50%) em instituições privadas de educação superior, em cursos de graduação e sequenciais de formação específica, a estudantes brasileiros sem diploma de nível superior.

  • Criado em .

Entre os 10 primeiros colégios estaduais baianos mais pontuados no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2016, nove integram a rede de ensino dos Colégios da Polícia Militar da Bahia (CPM). Os dados foram divulgados pelo Ministério da Educação (MEC), para avaliar o desempenho por escola na prova aplicada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep).

Encabeçam a lista os CPMs das cidades de Vitória da Conquista (1º), Salvador/Lobato (2º), Itabuna (3º), Salvador/Dendezeiros (4º), Juazeiro (5º), Salvador/Ribeira (6º), Teixeira de Freitas (7º), Jequié (8º) e Alagoinhas (10º). Os demais colégios da rede CPM de ensino também tiveram boa colocação no ranking estadual, como os de Feira de Santana, na 13ª posição, de Salvador/Luiz Tarquínio, na 15ª, de Ilhéus, na 28ª e de Candeias, na 66ª.

Para o coordenador da rede CPM de ensino, major Copérnico, essa colocação é atribuída a um trabalho interdisciplinar e à democratização do acesso aos colégios. “É a consolidação de um trabalho de equipe realizado por vários profissionais (gestores, pedagogos, professores, pessoal de apoio técnico e administrativo) competentes e comprometidos”, afirmou.

Ressaltou também que é a coroação de uma proposta pedagógica ancorada no livre acesso (por sorteio público), que vem comprovando ser possível a existência de uma escola pública de qualidade sem exclusão social.

Ainda sobre a linha pedagógica, esclareceu que a educação, realizada com o estabelecimento de limites na convivência escolar discente, com disciplina pedagógica e estímulos institucionais à perseverança nos estudos, “contribui para a formação de cidadãos autônomos e críticos, capazes de progredir nos estudos e protagonizar papéis importantes na sociedade”.

A rede de ensino CPM conta com 13 unidades no estado, sendo quatro em Salvador e nove em diversas outras cidades do estado. A expectativa é de implantar mais uma na capital baiana em 2018, no bairro de Cajazeiras. Atualmente, 11.393 alunos – só em Salvador, são 4.462 – estudam na rede do CPM no estado.

  • Criado em .

Jornal Agora

Rua Juca Leão, 65, Centro, Itabuna - BA
Telefones: (73) 3613-5504
Fundado em 28 de julho de 1981 Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

© Copyright 2009 / 2017 Jornal Agora   |   Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: