Entrar Registrar

Acesse sua conta de usuário

Nome de usuário *
Senha *
Lembrar de mim

Criar uma conta

Todos os campos marcados com asterisco (*) são obrigatórios.
Nome *
Nome de usuário *
Senha *
Verificar senha *
Email *
Verifar email *

Esportes

Londrina é campeão da Primeira Liga 2017

O Londrina conquistou o título de forma invicta
O Londrina conquistou o título de forma invicta

Atlético-MG e Londrina empatam no tempo regular e a decisão foi para as penalidades. Melhor para o time paranaense.

O Londrina conquistou o título inédito de campeão da Primeira Liga. O Tubarão bateu o Atlético-MG por 4 x 2 nos pênaltis, na noite da última quarta-feira (4), no estádio do Café, e ficou com a taça da competição. Diante de 15.735, as equipes ficaram no 0 x 0 no tempo regular e levou a decisão para os pênaltis. A equipe do técnico Claudio Tencati levou o título de forma invicta.

A final começou agitada entre as equipes no Café. No jogo brigado, quem chegou primeiro ao ataque foi o Galo, que assustou com Alex Silva, aos sete minutos, em cruzamento rasteiro. Enquanto tentava se defender e apostava nos erros do Galo, o Londrina teve a primeira boa chance aos 18 minutos, quando Rômulo arriscou de fora da área e exigiu a defesa de Victor. Em seguida foi a vez de Artur ficar no “quase”. O camisa 7 carregou a bola, trouxe pra canhota e finalizou à esquerda do gol. Empurrado pela torcida, o Tubarão equilibrou o jogo e quase abriu o placar aos 25, quando Negueba disparou uma bomba de perna direita e obrigou Victor a fazer um milagre.

O Galo melhorou a marcação, mas continou sendo pressionado pelos donos da casa. O time mineiro chegou mais uma vez com Valdívia, que chutou forte da meia lua, mas a bola subiu demais. Depois, o meia teve outra chance, quando saiu na cara do gol, mas foi travado por Ayrton.

Os visitantes voltaram mais ligados no segundo tempo e tomaram a iniciativa da partida. O Galo quase abriu o placar com Valdívia, que por pouco não fez um gol olímpico. Acuado, o Londrina não conseguia furar o bloqueio defensivo do Atlético-MG e só assustou aos 20 minutos, em uma cabeçada perigosa de Dirceu. Truncada, a partida caiu de ritmo no Café, sem grandes emoções até o apito final. Sem gols no tempo normal, a taça foi decidida nos pênaltis e o placar foi 4 X 2 para o time paranaense.

  • Criado em .

Jornal Agora

Rua Juca Leão, 65, Centro, Itabuna - BA
Telefones: (73) 3613-5504
Fundado em 28 de julho de 1981 Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

© Copyright 2009 / 2017 Jornal Agora   |   Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: