A meningite bacteriana é a infecção das meninges, membranas que recobrem o cérebro. No período neonatal é doença grave com índice de mortalidade elevado e tem seqüelas tardias nos sobreviventes como: atraso psicomotor, surdez, convulsões, alterações motoras, tetraplegia e outras. Quando a doença ocorre nos primeiros dias de vida, está relacionada à contaminação com bactérias através do canal do parto. As mães nesses casos freqüentemente apresentam complicações no parto, como febre, mau cheiro do líquido amniótico, infecão da placenta ou urinária. Quando a meningite se manifesta após o sétimo dia de vida, a infecção freqüentemente é adquirida através do contato com pessoas contaminadas ou material infectado. A bactéria chega à circulação sanguínea, atinge o Sistema Nervoso e causa a meningite. A imaturidade imunológica do recém-nascido é mais suscetível à infecção, pois os mecanismos de defesa são menos desenvolvidos em relação às crianças maiores. As principais bactérias que causam meningite no primeiro mês de vida são: Streptococcus B, Escherichia coli, Klebsiella sp, Enterobacter sp, Proteus sp e Listeria monocytogenes.

  • Criado em .

Em meio à tragédia das enchentes que afetam inúmeras cidades de Pernambuco, a população se une para ajudar os desabrigados com doações. Entre os que perderam quase tudo, Rivânia, uma garotinha de 8 anos, de São José da Coroa Grande, Sul do Estado, salvou os seus sonhos em uma mochila. A imagem da menina comoveu o Brasil: na chuva, ajoelhada em uma jangada e no meio da enchente, Rivânia rezava abraçada a uma mochila em que, pouco antes, havia colocado a coisa mais importante para ela: seus livros.

  • Criado em .

Como advogado-empregado tenho que assinar petições que vem prontas de outros Estados; faço trabalhos pessoais para o diretor; trabalho em uma jornada superior a oito horas e, o pior, os honorários de sucumbência não ficam comigo, sob pena de não receber o salário mensal. Estou me sentindo explorado por que nada disso está em meu contrato. JCE.

  • Criado em .

Não é novidade que todas as pessoas que vem ao mundo, nas sua existência deixam suas marcantes passagens, quer sejam benéficas ou, muitas vezes, até desagradáveis e tristes!

  • Criado em .

-O inverno é uma época que divide opiniões: alguns amam, outros detestam. Mas preocupam as doenças da estação, que deixam o organismo vulnerável a gripes, resfriados e problemas respiratórios. Popularmente dizem que chás, sopas e canjas não podem faltar no cardápio. Os especialistas admitem alimentos aliados para prevenir gripes e resfriados, mas, para alcançar o benefício, é preciso adequá-los na dieta. Veja o que diz Joanna Carollo.

  • Criado em .

No distante 1926, num frio dia de 12 de junho, vinha ao mundo um dos maiores nomes da sociedade itabunense, a menina Zélia de Oliveira Lessa. Ela é de uma época, sem qualquer saudosismo, onde os jovens pediam a bênção aos mais velhos e estes eram respeitados. Uma época onde ter um piano em casa era um sinal de status. Onde os jograis e recitais aconteciam nos cinemas, nas igrejas e nas casas das famílias. Uma época onde o teatro era pulsante.

  • Criado em .

A epilepsia é doença neurológica caracterizada por crises recorrentes, que altera a percepção, consciência, controle motor ou comportamento. Decorre de distúrbio elétrico no cérebro. Podem provocar epilepsia: seqüela de infecções, trauma no crânio, anóxia, tumores, distúrbios vasculares e da formação do cérebro. Algumas vezes tem causa genética, hereditária. É possível que uma pessoa tenha um ou mais tipos de crises. São classificadas de acordo com a manifestação clínica e através do eletroencefalograma. Classificam-se em: - Convulsiva ou tônico-clônicas: Caracteriza-se por queda, rigidez do corpo, tremor/abalos musculares, salivação, mordedura de língua, incontinência urinária. Paciente pode ficar confuso, sonolento, ter dor de cabeça e náusea; - Parcial complexa. O paciente tem a sensação de “sair do ar” por segundos ou minutos. Pode permanecer de olhos abertos, ter movimentos como estalar os lábios, deglutição, lingual, labial ou esfregar as mãos, alisar ou pegar objetos sem propósito definido; - Mioclônicas. Abalos musculares em segmentos de um músculo até os quatro membros e face. A mais comum, epilepsia mioclônica juvenil, caracteriza-se por movimentos bruscos, como um choque. Tendem a ocorrer após acordar. Inicia-se entre os 10 e 20 anos e os pacientes tem convulsões e crises de ausência; - De ausência. Desligamentos geralmente de 5 a 20 segundos. Olhar vago para o infinito, movimentos involuntários como labiais, de deglutição ou piscamentos rítmicos das pálpebras são alguns sintomas; - Atônica. Perda de tônus de um segmento tal como a cabeça ou dos músculos que mantêm a postura levando à queda brusca da cabeça ou queda ao solo. - Estado de mal epiléptico. Potencialmente grave, é uma emergência médica. Caracteriza-se por crises prolongadas ou crises repetidas sem que o paciente recobre a consciência no período entre as crises.

  • Criado em .

Minha empresa tem 12 funcionários. Fizemos um acordo de compensar as horas extraordinárias, sendo que as excedentes gozada com folgas e os períodos de atraso descontados, em dinheiro, dos salários. Recentemente me disserem que estou agindo errado e pediram o pagamento de volta. Estão certos? Milene Silva.

  • Criado em .

Jornal Agora

Rua Juca Leão, 65, Centro, Itabuna - BA
Telefones: (73) 3613-5504
Fundado em 28 de julho de 1981 Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

© Copyright 2009 / 2017 Jornal Agora   |   Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por: